Brasil lançará satélite para levar banda larga a todo o País


O Brasil prepara o lançamento de um satélite geoestacionário de comunicação para proporcionar banda larga a todos os municípios do País, anunciou nesta quarta-feira (28) em Nova Déli, na Índia, o ministro da Ciência e Tecnologia, Marco Antônio Raupp.

 

O País busca na Índia uma cooperação técnica para o satélite, cuja construção e lançamento, sob responsabilidade da Telebras e da Embraer, tem um custo avaliado de R$ 750 milhões (US$ 412 milhões). Apenas o lançamento custará R$ 145,5 milhões (US$ 80 milhões).

 

— Vamos fazer um concurso internacional que abre a possibilidade a uma cooperação tecnológica importante.

 

O satélite de comunicação dará opção a todos os municípios brasileiros a acessar a banda larga para os serviços de internet e telefonia móvel 3G.

 

Brasil, Índia e África do Sul – três integrantes do grupo dos emergentes Brics, ao lado de China e Rússia – também discutirão nos próximos dias o lançamento de outro satélite para a observação do clima no Atlântico Sul, o que permitirá fazer as medições necessárias para “entender as anomalias com o campo magnético terrestre que deixam passar as radiações ultravioletas”.

 

Com a China, país com o qual mantém uma intensa cooperação desde os anos 80 – com o lançamento conjunto de três satélites -, o Brasil prevê o lançamento de um satélite este ano e outro em 2014, informou o ministro, que considera “estratégica” a cooperação Sul-Sul.

 

Raupp integra a delegação da presidente Dilma Rousseff nareunião de cúpula desta quarta-feira (28) dos Brics na capital indiana.

 

Durante a visita bilateral à Índia na próxima sexta-feira (30), Raupp assinará com as autoridades indianas um acordo para o programa Ciências Sem Fronteiras, que permitirá o treinamento no exterior de estudantes e especialistas brasileiros nas áreas das ciências naturais e engenharia.

 

O programa já enviou 100 mil brasileiros ao exterior, em particular aos Estados Unidos (20 mil), Alemanha (10 mil) e França (8 mil).

 

No caso da Índia, o Brasil espera estimular o intercâmbio nas áreas de tecnologia, saúde, em particular o combate a Aids, malária e turberculose, assim como a farmacêutica, a nanotecnologia e as ciências de forma geral.

 

Fonte: R7

 

Sobre nordestevinteum
Responsabilidades Editoriais A Revista Nordeste VinteUm, dentro de seu caráter pluralista, se pretende um veículo aberto à participação e à construção coletiva do seu conteúdo. Para tanto, trabalha com o Conselho Editorial designado pela Editora Assaré. Nesta instância, são discutidas estratégias para viabilizar e manter a periodicidade da revista, garantir o cumprimento da sua política editorial, definir os nomes dos colaboradores e acompanhar, através de ouvidoria, a relação público leitor-revista. Tudo em respeito aos ditames do bom jornalismo, cujo compromisso com a ética e a verdade são inarredáveis.

One Response to Brasil lançará satélite para levar banda larga a todo o País

  1. José de Arimateia Silva disse:

    Esperemos que não seja uma falácia, assim como a internet para todos em João Pessoa/PB…
    Milhares de R$ investido em um serviço que não funciona…
    Qual o nome que se dá a isso…????

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: